granja sustentável

O que é uma granja sustentável? Entenda como funciona

Uma granja sustentável trabalha com processos e equipamentos que geram menor impacto sobre o ecossistema, considerando, por exemplo, o consumo de água e a energia elétrica empregada na criação das aves. Entretanto, a sustentabilidade na avicultura não se limita ao meio ambiente — ela preocupa-se também em promover saúde e bem-estar das aves.

Quando falamos sobre o tema, é comum que nossos pensamentos nos transportem para os pequenos produtores, cujas galinhas são criadas em sítios, e os ovos são vendidos em feiras ou pelo famoso carro do ovo.

Mas e se nós contarmos para você que grandes empresas também se preocupam com o meio ambiente e investem em alternativas mais sustentáveis para as suas granjas?! É sobre isso que falaremos neste post. Continue a leitura e fique por dentro!

O que caracteriza uma granja sustentável?

À primeira vista, você pode pensar que uma granja sustentável é aquela que atua com responsabilidade ambiental, realizando seus processos de maneira caseira, com economia de água e energia elétrica. No entanto, esse conceito vai muito além disso.

Grandes produtores preocupados com os impactos da sua atividade no meio ambiente também consideram o bem-estar das aves na produção. Portanto, nesse contexto, uma granja sustentável é aquela em que:

  • a alimentação dos animais considera uma dieta equilibrada e apropriada para a fase de vida da ave;
  • existe controle dos resíduos gerados;
  • há preocupação com o uso consciente de insumos como água e energia elétrica;

Dito isso, a avicultura pode ser considerada sustentável quando as necessidades básicas da geração atual são atendidas, sem comprometer a saúde dos animais e a disponibilidade de recursos para as gerações futuras.

Quais sistemas e tecnologias estão por trás da granja sustentável?

Uma granja sustentável deve ter projetos pautados em três frentes:

  • meio ambiente;
  • investimento social;
  • governança da gestão.

Juntos, tais pilares formam a ESG (Environmental, Social and Governance), que permeia os investimentos organizacionais vinculados a essas causas.

Quando passa a analisar esses critérios, a empresa consegue determinar o melhor caminho para atingir seus objetivos — tanto os corporativos quanto os relacionados ao comprometimento com a natureza e ao futuro da população.

Então, para atuar de forma condizente a essa postura sustentável, as granjas devem seguir rigorosos padrões voltados para o bem-estar animal e sanitização, garantindo que não haja contaminação durante o processo e que o consumidor possa receber um produto de qualidade. Entenda melhor quais são os sistemas e tecnologias associados a essa iniciativa!

Sistema de criação de aves livres – cage free

Provavelmente, quando for ler sobre avicultura sustentável, vai se deparar com a expressão cage free. Esse é um sistema que consiste na criação de galinhas livres de gaiolas.

O objetivo é promover um maior bem-estar às aves, que são criadas em um ambiente desestressante, onde podem expressar seus comportamentos naturais. Elas ciscam, sobem em poleiros e praticam voos rasteiros.

Nesse sistema, as gaiolas são substituídas por amplos galpões, que protegem os animais da chuva e do sol. O local é climatizado, para que não sofram com temperaturas extremas, e a iluminação é controlada, contribuindo para que durmam bem e passem os dias igualmente felizes e confortáveis.

Com água e alimentos disponíveis e espaço para se movimentar, as galinhas também ficam protegidas dos contatos com outros animais para que não contraiam doenças ou se machuquem.

Automatização de processos

O investimento em tecnologia é fundamental para garantir a segurança na produção dos ovos. Por exemplo, na nova granja sustentável da Ovos Mantiqueira na cidade de Lorena, em São Paulo, a automatização será aplicada na produção para que o ovo seja higienizado, pesado e embalado sem o contato com as mãos humanas.

Assim, evita-se a contaminação cruzada — e tudo isso acontece sem que a qualidade de vida das aves seja afetada.

Embalagens recicladas

Você já viu o sorriso estampado nas embalagens dos ovos especiais Mantiqueira? Ele caracteriza o selo Eureciclo, indicativo de que a empresa está compensando o uso de plástico e papel de suas embalagens.

Esse é um grande exemplo de iniciativa que vai ao encontro da Política Nacional de Resíduos Sólidos (PNRS) — cujo propósito é fazer com que, até 2031, o Brasil reduza em 45% o lixo direcionado aos aterros sanitários. Para tanto, a Mantiqueira realiza a compensação ambiental de parte do plástico e do papel provenientes das embalagens dos ovos especiais.

A tecnologia está presente nesse processo por meio de um sistema de rastreamento e armazenamento da Eureciclo, que faz a conexão entre a Mantiqueira e as cooperativas de reciclagem.

Por que a produção da Ovos Mantiqueira em Lorena (SP) merece destaque?

A Ovos Mantiqueira está investindo mais de R$100 milhões para a criação da nova unidade de Lorena, a primeira granja 4.0 do Brasil. O objetivo é que, até 2025, a Ovos Mantiqueira tenha 2,5 milhões de galinhas livres de gaiolas fornecendo seus ovos para os consumidores.

Além de Lorena, a Mantiqueira também possui uma unidade no modelo livre de gaiolas em Cabrália Paulista, que iniciou sua em operação em 2020. Já Lorena, mesmo em construção, recebeu em agosto as primeiras aves livres de gaiolas. Ela foi escolhida para ser o modelo de tecnologia para a granja sustentável da Mantiqueira e, inclusive, é a primeira do país com ninhos automatizados de última geração.

Funciona assim: quando as aves colocam os ovos, eles rolam pela esteira e caem em uma central. Depois, vão direto à classificação, sem que haja nenhum contato com a mão humana.

Vale destacar que toda a energia que será empregada no processo é renovável. Os sistemas de energia solar e biogás são algumas das escolhas da Ovos Mantiqueira para respeitar o meio ambiente.

No mais, o ciclo de produção do ovo passa por um sistema de tratamento de água e esgoto, e os materiais são transportados em caminhões elétricos.

Outro ponto interessante é que a granja sustentável de Lorena aposta em tecnologia para promover maior transparência aos consumidores. O dia a dia do galinheiro poderá ser acompanhado online, em tempo real. O local também terá um espaço para visitação, onde todos poderão conhecer o criadouro das aves de perto.

Em paralelo, com o objetivo de levar mais entretenimento e educação para a comunidade, a Ovos Mantiqueira está trabalhando em um projeto chamado Museu do Ovo. Esse será um espaço lúdico e interativo que dará foco à história do ovo — esse superalimento que só traz benefícios para a população do mundo todo.

Como a Ovos Mantiqueira se posiciona?

Sabendo do seu papel e de sua relevância para a avicultura brasileira, a Ovos Mantiqueira é exemplo de sustentabilidade. Seus sistemas operacionais são desenvolvidos considerando o meio ambiente, as unidades de negócio são equipadas com tecnologias para o tratamento de efluentes e, nas fazendas, há áreas de preservação e conservação permanentes.

O quadro de colaboradores da Mantiqueira conta com profissionais capacitados para realizar a gestão ambiental das unidades. Isso significa que, para permanecerem licenciadas e outorgadas dentro das normas ambientais, esses profissionais operam, monitoram e analisam todo o processo de produção constantemente.

O objetivo vai além de verificar se as normas são atendidas: a Ovos Mantiqueira tem seu compromisso com o bem-estar animal, com a responsabilidade socioambiental e com a qualidade nutricional, e ele deve ser cumprido em todas as etapas, desde a criação das aves até o momento em que o ovo chega aos fornecedores ou clientes finais.

Veja, com mais detalhes, como a empresa tem atuado para contribuir com a sustentabilidade.

Redução do impacto de carbono

A redução do impacto de carbono é um dos planos para a unidade de Lorena. A partir de critérios ambientais, sociais e de governança, o objetivo é utilizar os caminhões elétricos para neutralizar as emissões de CO² nas atividades de logística e transporte dos ovos.

Além disso, a Ovos Mantiqueira também vai investir no biogás, combustível originado dos desejos das galinhas.

Painéis solares

Ao optar pelos Ovos Mantiqueira, o consumidor está levando para casa um alimento de qualidade, saudável e sustentável, que em todo seu processo respeitou as aves e o meio ambiente.

Com o término da obra previsto para 2022, toda a estrutura da unidade de Lorena opera por um viés ecológico. Nesse contexto, a energia do local será gerada por painéis de energia solar.

Apoio ao Projeto Produtor de Água

A Ovos Mantiqueira apoia o Projeto Produtor de Água, cujo objetivo é proteger e conservar 33 nascentes do Rio Verde, em Minas Gerais. Seu papel é realizar o diagnóstico da bacia hidrográfica do rio que alimenta a cidade de Itanhandu e beneficia mais de 450 mil pessoas em todo o estado.

Junto a elaboração do diagnóstico, o projeto vai cercar mais de 60 quilômetros de nascentes e criar barragens nas estradas para evitar a erosão do solo e o assoreamento do rio.

De forma complementar, a Mantiqueira criará áreas para sombra e proteção das criações de gado, trabalhará na proteção das reservas florestais, preservando a fauna nativa.

Solobom

Outro ponto que reflete a preocupação da Ovos Mantiqueira com a sustentabilidade é o processo de transformação dos estercos produzidos pelas aves em fertilizantes de alto valor agronômico chamado Solobom. Assim, além de tratar e transformar os resíduos de forma ambientalmente correta, o fertilizante garante ao solo todos os nutrientes ideais para o crescimento de pomares, plantações, jardins, plantas ornamentais etc.

Compromisso Mantiqueira

Com mais de 30 anos de experiência na avicultura, a Ovos Mantiqueira é referência em inovação e tecnologia para o segmento, em toda a América do Sul. Sua produção chega a 2,3 bilhões de ovos por ano, mantendo o padrão de qualidade já conhecido pelos consumidores da Mantiqueira.

O pioneirismo é uma das marcas da empresa, inclusive no que diz respeito à iniciativa de projetar e executar suas granjas sustentáveis. A partir da construção da granja sustentável de Lorena, referência em tecnologia, a Mantiqueira anuncia que a partir de agora não construirá novas granjas no sistema convencional de produção e chegará à marca de 2,5 milhões de galinhas livres até 2025.

Daqui para frente, tudo o que fizer será sustentável. Esse investimento também vai ao encontro dos esforços da granja para estimular o consumo consciente e inserir o Brasil no mapa mundial do bem-estar animal nas cadeiras produtivas.

O Compromisso Mantiqueira com o ecossistema espera mudar o futuro da avicultura nacional e influenciar outras granjas a assumirem uma postura sustentável, atendendo às tendências mundiais para esse mercado. Para tanto, a empresa trabalha com o apoio das principais ONGs de proteção animal do país e do exterior:

  • Alianima;
  • Animal Equality;
  • Fórum Nacional de Proteção e Defesa Animal;
  • Humane Farm Animal Care;
  • Humane Society International;
  • Mercy For Animals.

Todas as questões abordadas ao longo do texto são de extrema importância para que você saiba o que há por trás dos alimentos levados para casa. A construção da granja sustentável da Ovos Mantiqueira é um grande marco para toda a avicultura do país, reforçando o cuidado e a qualidade em sua atuação.

Se você quiser saber mais detalhes sobre o processo de produção da Ovos Mantiqueira, aproveite que está aqui e dê uma olhada em nosso artigo exclusivo sobre o tema!

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.