envelhecimento saudável

Envelhecimento saudável: entenda como o ovo pode ser um aliado nesse processo!

Foi-se o tempo em que velhice era sinônimo de inatividade. Atualmente, cada vez mais idosos são ativos, com muita qualidade de vida e bem-estar. Para isso, eles adotam hábitos que permitem um envelhecimento saudável.

Assim, podem aproveitar o descanso se sentindo dispostos para fazer as atividades de que gostam e se sentem bem. Mas como chegar à terceira idade com saúde e disposição? Neste post, falamos sobre o que é, como envelhecer bem e saudável e como os ovos podem ajudar nessa missão. Continue a leitura e confira!

O que é o envelhecimento saudável?

O envelhecimento saudável acontece quando a pessoa chega a uma idade avançada com o corpo e a mente ativas. Ou seja, quando o idoso tem boa saúde física e emocional, que o permitem viver de forma plena, com bem-estar e o mínimo de dependência de terceiros para as tarefas do dia a dia.

Antigamente, as pessoas não pensavam muito nessa questão. Entretanto, hoje, por conta do aumento da expectativa de vida, elas se preocupam cada vez mais em ter uma velhice saudável. Afinal de contas, viver mais não é o suficiente. É preciso que essa vida tenha qualidade. Mas o que isso significa?

Quer dizer que cada vez mais há uma procura por uma forma de viver mais saudável, que permita uma velhice funcional. As pessoas mais velhas não querem mais assistir televisão enquanto fazem crochê para os seus dias.

Elas desejam viajar, relacionar-se, praticar atividades físicas e aproveitar tudo de bom que a vida pode proporcionar, sem as preocupações que a vida adulta implica, como criar os filhos e conquistar bens. Afinal, já passaram por isso.

Por que o envelhecimento saudável é tão importante?

A procura pelo bem-estar e qualidade de vida não deve ser limitada à juventude. Com o passar dos anos, nosso corpo e mente já não são mais os mesmos e precisam de cuidados. Quanto melhor envelhecemos, menos problemas temos.

Prevenir doenças

As doenças são o que mantêm os idosos incapacitados de ter uma vida plena e ativa. Por essa razão, quando levamos uma vida saudável, envelhecemos também dessa forma, e prevenindo as enfermidades que tanto prejudicam o dia a dia.

Ter disposição

A disposição é algo que pode sumir com a chegada da velhice. Entretanto, isso acontece com maior frequência em pessoas que não são ativas, e pode desencadear problemas emocionais, como ansiedade e depressão. Portanto, envelhecer com saúde e disposição é muito importante.

Manter o bom humor

O bom humor também é algo que foge à medida em que a idade aumenta. A ideia de idoso rabugento vem daí. A boa notícia é que, mantendo hábitos saudáveis, é possível permanecer de bem com a vida, leve e aproveitando a família e os amigos.

Qual é a importância de uma boa alimentação para o envelhecimento saudável?

Uma boa alimentação é importante desde a gestação até a velhice. Quando o bebê nasce, o leite materno oferece todos os nutrientes necessários para que se desenvolva forte e saudável. Ao longo dos anos, essa necessidade nutricional varia muito.

Existem dois grandes desafios nesse sentido quando ficamos idosos. O primeiro é manter a massa muscular e a massa óssea, que tendem a reduzir após certa idade. O segundo é em relação ao apetite. Pessoas mais velhas costumam comer menos, o que dificulta a ingestão dos nutrientes necessários.

Por isso, é imprescindível manter uma alimentação balanceada e personalizada para evitar a perda de massa muscular e óssea, ter mais disposição e prevenir doenças.

Quais são os nutrientes essenciais para isso?

Em uma alimentação saudável, todos os grupos de alimentos devem ser contemplados para que se obtenha todos os nutrientes e, consequentemente, mantenha o organismo funcionando bem. A seguir, confira quais são os principais.

Proteínas

As proteínas desempenham diversas funções no organismo, como construção e manutenção da massa muscular, produção de hormônios, enzimas, anticorpos e tecidos. Dessa maneira, é essencial que o idoso tenha um bom aporte proteico para evitar a degradação muscular, ter uma boa imunidade e cicatrização.

Elas são encontradas em carnes de todos os tipos, ovos, leite, queijos, iogurtes e leguminosas, como feijão, soja e amendoim.

Carboidratos

Os carboidratos são a principal fonte de energia do corpo. Eles são encontrados em pães, massas, cereais, batatas, mandioca e outros alimentos. Em um cardápio saudável, é importante dar preferência para as versões integrais.

Gorduras

Embora as pessoas tenham medo das gorduras, saiba que nem todas são ruins. Algumas têm efeito protetor e ajudam a prevenir doenças cardiovasculares, e ainda fazem bem ao cérebro. Um bom exemplo é o Ômega-3. Esse tipo de lipídeo ajuda a ter um envelhecimento saudável, sendo imprescindível no cardápio do idoso.

Vitaminas

Existem muitas vitaminas diferentes, e cada uma com sua função no organismo. Todas elas são importantes, por isso, é preciso ter uma alimentação rica e variada em frutas, verduras e legumes para ingerir esses nutrientes. Entre elas, podemos citar:

  • vitamina A: atua na proteção da visão, da pele e do sistema respiratório;
  • vitamina E: é um antioxidante que previne o envelhecimento precoce;
  • vitamina C: fortalece o sistema imunológico.

Minerais

Assim como as vitaminas, os minerais também desempenham papéis fundamentais. Entre todos os existentes, podemos destacar o cálcio, pois é uma substância primordial na manutenção da massa óssea. Além disso, o ferro é necessário para prevenir anemias — condição comum na terceira idade.

Como o ovo pode ser um aliado para o envelhecimento saudável?

O ovo é considerado o segundo melhor alimento do mundo, perdendo apenas para o leite materno. Isso se deve ao fato de ser muito nutritivo. Nele, podemos encontrar proteínas de alto valor biológico e de fácil digestão. Considerando que alguns idosos têm maior dificuldade para digerir alimentos, o ovo é uma ótima fonte proteica para eles.

Na gema, encontramos carotenoides, que são os pigmentos alaranjados que se transformam em vitamina A, e colina — uma vitamina do complexo B importante para a memória. Por falar falar nisso, também apresenta Ômega-3.

O ovo também é fonte de vitamina D, que é essencial para a fixação de cálcio nos ossos e fortalecimento do sistema imunológico. Se você se preocupa com o colesterol, pode se tranquilizar. Hoje, já se sabe que o próprio ovo contém uma substância que neutraliza o colesterol, chama lecitina. Dessa maneira, pode-se comer ovos todo dia, e o alimento se torna um grande aliado no envelhecimento saudável.

Como ter um envelhecimento saudável? 

Para ter um envelhecimento saudável, é preciso adotar bons hábitos de vida desde cedo, mas isso não significa que não possa começar agora mesmo. Veja como você pode cuidar de sua saúde.

Durma bem

Uma boa noite de sono recarrega as energias e é capaz de nos deixar mais dispostos para os afazeres do dia. É enquanto dormimos que o nosso corpo faz o balanço do dia e produz substâncias para regular o organismo, como hormônios e anticorpos. Por essa razão, um sono ruim nos deixa mal-humorados e favorece o estresse.

Cultive amizades

Quando falamos em envelhecimento saudável, não nos referimos somente à parte física, mas também à mental. A socialização é fundamental na vida das pessoas, e na velhice isso não é diferente.

Aliás, é bem comum que os idosos se sintam isolados, mesmo morando com a família, pois cada membro tem seus afazeres e é difícil dar atenção. Portanto, é preciso encontrar atividades que deem prazer e que permitam a construção de amizades, como ter um hobby ou praticar um esporte.

Use protetor solar

O uso do protetor solar é indicado diariamente a partir dos seis meses e por toda a vida. A exposição constante aos raios solares sem proteção aumenta a formação de rugas e manchas, e deixa vulnerável à problemas sérios de pele, como o câncer. Sendo assim, não se esqueça de se proteger!

Pratique atividades físicas

Além de uma alimentação saudável, a prática de atividades físicas deve se tornar um hábito. Ela previne diversos tipos de doenças, ajuda a manter as boas condições das massas muscular e óssea, traz disposição e condicionamento físico, e regula os hormônios.

Dessa maneira, se você pretende ter um envelhecimento saudável, sendo ativo e bem-disposto para aproveitar o melhor da vida, mas ainda não faz exercícios físicos, procure um médico e um educador físico e comece a praticar já!

Faça exames periodicamente

Com o passar dos anos, ficamos mais propensos às enfermidades. Como fala o ditado, “é melhor prevenir do que remediar”. Sendo assim, faça exames periodicamente, de acordo com a orientação médica. Dessa forma, você pode saber se está tudo bem com o seu corpo e, se for o caso, fazer um tratamento mais tranquilo.

Tenha saúde financeira

Poucas pessoas falam sobre isso, mas é preciso prestar atenção na saúde financeira. Aposentar com uma vida confortável, com certeza, faz parte de um envelhecimento saudável. Desse modo, não deixe de planejar a sua situação financeira futura desde já.

Como você pode conferir, o envelhecimento saudável depende da adoção de bons hábitos de vida, como alimentação equilibrada, prática de atividades físicas e cuidado com a saúde mental. Nesse sentido, os ovos são grandes aliados, pois fornecem nutrientes importantes para o organismo envelhecer bem e saudável.

Se tem interesse no assunto, saiba mais sobre os benefícios dos ovos.

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.